Imagem capa - Maternidade X Home office por Valéria Tavares
Dicas

Maternidade X Home office

Já estava pensando em falar sobre esse assunto há um tempo!


Quando eu tinha um rotina de trabalho no mercado corporativo, com hora de entrada e saída, eu sempre ficava pensando sobre as maravilhas do home office. Principalmente em dias de chuva, onde eu tinha que levar Ana Clara para creche.

Mas depois vi que nem tudo são flores, a realidade de conciliar maternidade e home office não é tão simples e maravilhoso como se parece! É necessário muita disciplina e organização.


Me deparei com essa loucura há 2 anos, quando sai totalmente do mercado corporativo. Me vi totalmente perdida em casa, queria fazer tudo ao mesmo tempo: tarefas de casa, atividades com Ana Clara, publicar nas redes sociais, ligar e responder e-mails de clientes, tempo fotografando. Fora as urgências que sempre aparecem!

Precisei respirar fundo, inspirar para não pirar rsrs, e rever tudo!


Vou compartilhar com vocês tudo o que eu fiz para estabelecer uma rotina de home office que desse certo:


Disciplina e organização 

Pra quem deseja começar ou já começou em home office, mas não está conseguindo estabelecer uma rotina, recomendo em primeiro lugar montar seu fluxo de tempo, para você ter clareza sobre como está gastando seu tempo. Anote as horas gastas com cada atividade, sugiro fazer isso pelo menos 1 semana.

Você perceberá todo o tempo que desperdiça e o quanto você, muitas vezes reclama de falta de tempo, quando na verdade você apenas está administrando errado esse tempo. 


Tenha metas. Comece planejando o dia seguinte, depois os próximos 3 e logo, você estará planejando a sua semana. Tudo começa a virar um hábito, uma rotina. Eu uso a agenda do celular e vou anotando todas as tarefas que tenho que fazer ao longo da semana, isso me ajuda a não esquecer de nada. Além disso eu uso agenda de papel, tenho prazer em dar aquele risquinho de visto nas atividades realizadas rsrs.

Outra coisa que eu sempre faço é eliminar as urgências que surgem ao longo do dia e da semana. Elas me geram estresse, ansiedade e atrapalha a minha produtividade. Eu elimino e tento resolver o mais rápido possível.

Se você tiver metas claras e uma boa organização pessoal, vai conseguir realizar tarefas importantes, no seu dia-a-dia, com prazer. E não falo somente de vida profissional, falo de tudo, falo do seu tempo.


Antigamente eu me via completamente enlouquecida, com a sensação de que meu tempo era escasso. Hoje em dia, eu consigo trabalhar, cuidar da minha casa, passar horas brincando com a minha filha, porque aprendi a ser dona do meu tempo.


Outra hábito que adotei foi usar uma aba por vez no computador, criei o hábito de abrir, usar e fechar. Muitas janelas abertas nos tiram do foco, pois a gente acaba tendo várias tarefas inacabadas em cada aba. Quando estiver fazendo uma atividade que exija concentração, vire a tela do celular para baixo, e não abra seu e-mail. Faço isso quando estou editando fotos, diagramando álbuns e escrevendo e-mail para algum cliente. Também desativei e silenciei todas as notificações do meu celular, quando dou uma pausa para beber água, ir ao banheiro eu olho rapidamente para ver se tem algo urgente.


Outro ponto também foi explicar para a minha filha sobre a nossa nova rotina. Antes ela ficava em tempo integral na escola, agora ela estuda meio período. Ela achava que eu estava disponível o tempo todo para ela. Criamos atividades/brincadeiras para ela fazer sozinha no momento em que estou realizando as minhas tarefas, e tem tarefas /brincadeiras que fazemos juntas. 


Não é fácil, é um processo repetitivo, precisa de persistência e paciência. Agora com a chegada do Mateus (bebê no forninho com 23 semanas) eu sei que vou precisar de uma reorganização de tempo e tarefas.


O ambiente de trabalho

Algumas pessoas pensam que é só fotografar, mas a verdade é que a menor parte do tempo do negócio de fotografia é fotografando, a maior parte é o trabalho por trás das câmeras, a parte estratégica. 


Normalmente meu home office é na parte da tarde, a não ser nos dias em que preciso fotografar. Mas a minha demanda de tempo fotografando é  nos fins de semana ou  na parte da tarde quando ela está na escola.

Então, na parte da manhã eu dedico as tarefas de casa e da minha filha, depois que ela vai para escola começa o meu tempo de trabalho. Óbvio que tem clientes que me ligam pela manhã, mandam e-mail e eu atende e respondo. Eu criei algumas coisas que facilitam o meu trabalho, de forma que eu possa atender o cliente o mais rápido possível.


No início meu cérebro não entendia que eu estava em casa trabalhando, precisei criar alguns hábitos. Um deles é não ficar com a mesma roupa que uso em casa. No início precisava passar uma maquiagem, soltar o cabelo e colocar um calçado no pé rsrs. Olha a força que a mente tem! 


Para mim o ambiente faz toda a diferença, eu reservei um cômodo da casa para montar meu home office. Hoje, eu fecho a porta e consigo me desligar do resto da casa, e consequentemente das atividades que não são para ser executadas naquele momento, mas que ficavam em minha mente, gerando preocupação, ansiedade e diminuindo a minha produtividade.


Isso foi o que deu certo comigo, não tem fórmula correta, porque cada família e pessoa tem uma necessidade e as demandas dos trabalho também diferencia muito. Cada um precisa encontrar o melhor equilíbrio entre trabalho e vida pessoal. Pode levar um tempo até fazer com que esse balanço funcione, mas enquanto isso não acontece, não desista! Vá testando o que funciona melhor para você e sua família.


Resumidamente você precisa:

1-  Definir a  sua rotina

2- Deixar claro para você e para os outros que você está trabalhando

3 - Ter uma agenda semanalmente

4- Preparar o ambiente de home office

5 - Tire as notificações do celular 

6- Tenha paciência, seja disciplinado e faça ajustes quando necessário